PALESTRAS

PAINEL TECNOLOGIA

Confira a programação de quinta-feira

15h30

Resiliência vale ouro

Por Graziela Andrade

Esse primeiro dia é dedicado à tecnologia, no entanto, para marcar a abertura do ciclo de palestras da TECNOGOLD 2021, Graziela Andrade abordará o tema tão relevante da resiliência sob a ótica do universo da joalheria e das pedras preciosas.

Em tempos de crise e momentos difíceis como os últimos meses, muitos empreendedores tendem a perder o foco e não seguem em frente. A angústia e a falta de resiliência podem levar a ruína, trazer frustações e até mesmo o surgimento de doenças. E por que a resiliência “vale ouro”? Essa competência, uma vez desenvolvida e aprimorada, permite o enfrentamento de experiências difíceis e desafiadoras. Criatividade e atitude inspiram processos. Confiança, otimismo, temperança e tenacidade são valores que promovem transformações extraordinárias.

Nesta palestra serão apresentadas informações preciosas para estimular a resiliência com links e referências ao setor, em um formato que atende a todos os profissionais da cadeia produtiva.

Graziela Andrade é artista plástica, mestre em joalheria e fundadora do Abba Garage, a primeira e, até o presente momento, única escola de arte joalheira para crianças e pessoas com deficiência. Ela ocupa a cadeira IX da ALACH (Academia Latino-Americana de Ciências Humanas), além de ser Grã Comendadora e Conselheira Consultiva da mesma academia. Embaixadora Grupo Luxus Magazine. Em 2016, por sua escola, recebeu o Título de Comendadora pela Soberana Ordem Cristóvão Colombo. Em 2017 recebeu a homenagem de Mérito Empresarial, da Academia Brasileira de Ciências, Artes, História e Literatura (ABRASCI), a Medalha Mulheres de Honra (uma derivação da Medalha Homens de Honra), sendo a primeira mulher a conquistá-la. Em 2018, a escola recebeu o troféu ‘The Winner’, da Magazine Business e, em 2019, foi a vez de os prêmios ‘Águia Americana’ e, pela segunda vez, o ‘The Winner’ serem concedidos à iniciativa.

16h30

Como o uso da tecnologia 3D tem transformado positivamente a produção de joias

Por Eliânia Rosetti

Durante a pandemia, ficou evidente a reviravolta positiva que o mercado sofreu com o uso da tecnologia 3D. Com os baixos custos de impressoras, muitos profissionais se capacitaram e inúmeros empresários aplicaram esta tecnologia em suas empresas, afinal, ela tem impacto direto na qualidade e no tempo de produção, além de possibilitar a personalização de produtos com uma agilidade jamais pensada.

Neste encontro, Eliânia Rosetti apresentará todos os benefícios da tecnologia 3D e mediará um bate-papo com empresários, que contarão como a implantação deste recurso mudou o seu negócio, influenciou o modo de trabalho e proporcionou um ganho exponencial de qualidade nos produtos.

Eliânia Rosetti é especialista em computação gráfica 3D e proprietária da Solução 3D. Ela foi a primeira empresária brasileira a implantar a tecnologia 3D em sua empresa e a primeira a oferecer prestação de serviços em 3D focada exclusivamente no setor joalheiro, atendendo marcas de joias, folheados e bijuterias. Além de ministrar diversos cursos sobre o tema, é autora dos livros ‘Desenhando Joias com Rhinoceros’ e ‘Rhinogold Manual de Ferramentas e suas Funcionalidades’.

18h

Como economizar ouro no processo de fabricação de joias folheadas

Por Danilo Bittar

Já diz o ditado, ‘tempo é dinheiro’. E para conseguir otimizar o processo de fabricação de joias folheadas, é fundamental o uso de tecnologia que entregue resultados em tempo recorde. Com o raio-X, por exemplo, é possível medir a composição dos brutos, os banhos galvânicos e seus contaminantes e a espessura de camada final. Também é possível correlacionar para o ajuste de processo, com rápida reposição dos banhos, ajuste de corrente no retificador e a fixação na gancheira ou a quantidade de peças no rotativo.

Nesta palestra, Danilo Bittar esclarecerá todos os detalhes sobre a tecnologia de raios-X que permite ganhos produtivos em prol da sua agilidade e ainda com análises em cumprimento da portaria 123 do Inmetro.

Danilo Bittar é engenheiro pela Escola de Engenharia Mauá, com MBA Executivo no Boston College. Trabalha há 20 anos com equipamento de raios-X aplicado à pesquisa e ao desenvolvimento, bem como controle de qualidade. Atualmente, é diretor executivo da Fischer do Brasil, empresa parte do grupo alemão Helmut Fischer.

19h

ABNT: apresentação do projeto para novos parâmetros de detalhamento e especificações técnicas na representação gráfica de desenhos de criação para produção

Por Fernando Telli Athaide e Engracia LLaberia

O desenho técnico de especificações e detalhamentos para produção de um produto é uma das atribuições do designer nos projetos criativos de novas coleções. Fundamental na comunicação entre os diferentes participantes nas etapas de desenvolvimento de uma joia, o desenho deve obedecer a certas regras de representação que são internacionais e facilitam o entendimento das propostas criativas.

Diante desta necessidade de oferecer a indicação mais objetiva em relação ao que foi criado – otimizando, assim, as etapas produtivas-, surgiu o estudo para o desenvolvimento de uma norma que indique parâmetros e referencias para os profissionais no encaminhamento de seus projetos para à fabricação.

Um grupo com diversos profissionais – incluindo criativos, designers, joalheiros e empresários -, se dedicou a elaborar o documento referencial que agora caminha para sua publicação como norma técnica pela ABNT e que será apresentado neste encontro, abrindo espaço para a contribuição de todos os interessados com sugestões para sua continuidade.

Fernando Telli Athaide é graduado em Tecnologia da Gestão da Produção Industrial pela FATEC, Engenharia Mecânica pela UNIP e Licenciatura em Matemática pela UNIVESP. É pós-graduado em Projeto, Manufatura e Análise de Engenharia Auxiliados por Computador (CAD/CAM/CAE), em Engenharia de Segurança do Trabalho e MBA em Inovação e Empreendedorismo e mestrando Tecnologia Nuclear no Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares – IPEN/USP. Atua como especialista em Educação Profissional na Gerência de Infraestrutura e Suprimentos do SENAI-SP. É coordenador do CEE 237 – Comissão de Estudo Especial de Desenho Técnico da ABNT com diversos projetos de revisão e elaboração de Normas Técnicas da área.

Engracia Llaberia é doutora e mestre em Design pela Universidade Anhembi Morumbi, desenhista industrial (ESDI), bacharel em Comunicação Social (Publicidade e Relações Públicas) e designer de Interiores (UNIP). Coordenou e foi professora de diversos cursos de design de joias, além de ter sido proprietária de duas lojas. Atualmente, é proprietária do Escritório de Design Officina do Design, diretora de Design da Associação dos Joalheiros do Estado de São Paulo (AJESP) e membro da Comissão CEE-237′ Comissão de Estudos Especiais de Desenho Técnico da ABNT (2018 a 2021) e do GT-04 da mesma Comissão.

PAINEL MERCADO & DESIGN

Confira a programação de sexta-feira

Parte I – Mercado
Antes da pandemia, já se via um grande volume de novos empreendedores no setor, que, por si só, já caracterizava mudanças no mercado, principalmente, em temas voltados à terceirização. Com o cenário pós-pandemia, novas dinâmicas surgiram. Quais são elas? Quais são os novos formatos das empresas? Quais são novos serviços? Há novos nichos de atuação? Quem são os novos entrantes na joalheria?
Para responder a essas e outras perguntas, a primeira parte da programação deste dia será dedicada ao um mapeamento do mercado, sob o ponto de vista de diversos profissionais e agentes atuantes na cadeia produtiva joalheira como escolas, indústrias e consultores.

Parte II – Tendências

Às 15h

Ponto de vista: Indústrias

Mediação Manoel Bernardes, empresário e vice-presidente de capacitação e inovação do IBGM, e fabricantes de joias

Às 16h

Ponto de vista: Escolas

Mediação Engracia Llaberia, diretora de Design da AJESP, e proprietários de escolas de joalheria

17h

Ponto de vista: Consultores

A consultora Patricia Sant´Anna, fundadora da ‘Tendere – Pesquisa de Têndências e Soluções em Negócios Criativos’ traçará um paralelo entre a joalheria e os diferentes segmentos de moda e luxo no cenário pós-pandêmico. Por fim, a profissional concluirá os pontos de convergência entre as indústrias e escolas de joalheria, além de identificar as demandas individuais de cada agente que não estão sendo supridas, visando o desenvolvimento de novas ações a fim de melhor atender ao mercado.

Patricia Sant´Anna é fundadora e CVO da Tendere – Pesquisa de Tendências e Soluções Criativas, liderando um time de pesquisadores e consultores para os mais diferentes desafios. Atuou como geradora de inovação e insights para C&A, Renner, Samsung, SENAI e SENAC SP, SEBRAE, Cecy Joias, entre outros. Bacharel em Ciências Sociais (UNICAMP), especialista em Museologia (USP), Mestre em Antropologia e Doutora em História da Arte, ambos pela UNICAMP. É docente na pós-graduação de Negócios e Marketing de Moda da Faculdade Santa Marcelina (FASM).

Às 18h

Tendências 2022 – direcionamentos criativos para novas coleções de joias e bijuterias

Por Márcia Croce

Quer saber quais são as cores, as formas e os materiais que estarão em evidência na joalheria no próximo ano?

Nesta palestra, Márcia Croce decodificará as principais macrotendências globais e apresentará a essência de quatro direções criativas para os segmentos de joias, folheados e bijuterias.

O conteúdo é fruto do DGNG Book – Interpretando Tendências 2022, no qual a palestrante é coautora, e atende tanto aos profissionais de criação e desenvolvimento de produto quanto aqueles que atuam no marketing e nas vendas para embasar o repertório de storytelling e argumentação de vendas.

Marcia Croce é formada em propaganda e publicidade e pós-graduada em Fashion Marketing and Communication. Com mais de 25 anos de atuação no setor joalheiro, é diretora da DGNG – Design & Negócio, consultoria especializada em planejamento estratégico de marcas, design de produtos, pesquisa de tendencias de consumo e comportamento e treinamentos para indústria e varejo de joias, folheados e bijuterias.

SUSTENTABILIDADE E A HORA DO CAFÉ OFICIAL

Confira a programação de sábado

14h

Sustentabilidade e Rastreabilidade: a importância para o consumidor

Por Ecio Morais, Adriano Mol e Ana Lobo

A sociedade está cada vez mais rigorosa em relação aos produtos e serviços que estão sendo lançados. Os consumidores querem saber tudo, desde informações técnicas e procedência, até se o produto foi feito por meio de práticas que respeitam o meio ambiente. E se a empresa não oferece informações, corre o risco de perder vendas.

Para atender a esse novo perfil de consumidor, a cadeia produtiva joalheria precisa estar alinhada com os preceitos da sustentabilidade e rastreabilidade. A sinergia entre esses dois temas confere transparência na relação de consumo, uma vez que a rastreabilidade permite aos consumidores identificar a origem do produto, podendo, dessa forma, evitar a aquisição de mercadorias relacionadas, por exemplo, a crimes contra o meio ambiente ou que foram produzidos de maneira irresponsável.

Neste talk, os convidados apresentarão cases dos segmentos de ouro e gemas, além de projetos que serão implementados nos próximos meses e ajudarão as empresas brasileiras a se manterem mais competitivas no mercado.

Ecio Morais é economista, mestre em economia e bacharelando em direito. É diretor executivo do Instituto Brasileiro de Gemas e Metais Preciosos (IBGM), com mais de 20 anos de experiência à frente de entidades de classe setoriais.

Adriano Mol é doutor em Engenharia de Materiais pela REDEMAT e especialista em Design de Gemas e Joias pela Escola de Design/UEMG. É professor da Escola de Design da Universidade do Estado de Minas Gerais, onde atua como gestor de projetos de design aplicado ao setor de joias, além de ser coordenador da pós-Graduação em Design de Gemas e Joias desde 2007 e do Centro Estudos em Design de Gemas e Joias desde 2018. Profissional premiado em concursos de Design de Joias na Alemanha, Brasil, Bélgica e Hong Kong.

Ana Lobo é psicóloga pela Universidade Paulista, com especialização em psicopedagogia e psicanálise. Mestre em História Social pela Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP e doutora em História Social pela USP e pela École Pratique des Hautes Études – Sorbonne. É diretora executiva da – Associação Nacional do Ouro (ANORO) e do Projeto Garimpo 4.0.

15h

A HORA DO CAFÉ ESPECIAL TECNOGOLD

A TECNOGOLD será palco das gravações de mais uma edição de ‘A Hora do Café’, da DGNG – Design & Negócios, sob o comando da consultora Márcia Croce. Desta vez, a seleção dos convidados entrevistados tem como foco os profissionais designers atuantes nas indústrias e os que empreenderam marcas próprias.

Neste evento, os visitantes poderão acompanhar ao vivo o bate-papo e conhecer os diferenciais de sucesso de cada profissional.