Palestras

Posicionamento do produto

Para onde caminha a indústria de joias frente aos desafios da revolução digital, do novo comportamento do consumidor e da agenda de sustentabilidade? Esta é a reflexão que o painel do primeiro dia da TECNOGOLD pretende realizar. A grade de palestras do primeiro dia esta planejada conforme segue;

14h30: Abertura do evento com apresentação do IBGM sobre as perspectivas do setor joalheiro no Brasil e no mundo

15h: Joia é tudo de bom, mas por que não vende mais

16h: O posicionamento da joia como categoria de produto diante de um novo consumidor digital, preocupado com a sustentabilidade e bombardeado com múltiplas possibilidades de utilização de sua renda

17h: A importância do tema ressignificação no setor joalheiro

18h: Intervalo café

18h30: TECNOTALKS: Posicionamento de Produto

  • 18h30: Especialista em Semiótica e Marketing com foco em Joias, Folheados e Bijuteria
  • 18h45: Especialista em Sustentabilidade demonstrando cases e anti-cases sobre como a questão da sustentabilidade e suas diversas abordagens (social, ambiental e econômica) são hoje fundamentais para qualquer marca e empresa sobreviver em um futuro próximo no mercado de bens de consumo.
  • 19h: Especialista em Branding com foco em marcas criativas da área de moda, incluindo joias, folheados e bijuterias.
  • 19h15: Especialista em Inclusão Social e competitividade no mercado nacional e global
  • 19h30: Mesa redonda sobre posicionamento da joia como categoria de produto no cenário de mercado atual

Economia criativa

A joalheria, em virtude de seu alto conteúdo simbólico, está inserida no universo da economia criativa, um segmento que irá se destacar no mercado do século XXI, e onde a criatividade, a inovação e o conteúdo cultural e de conhecimento são determinantes para a geração de valor. Diversos países como a Austrália e o Reino Unido, preocupados com o desemprego tecnológico e com a crise da indústria tradicional, já identificaram a potencialidade da economia criativa e desenvolveram políticas públicas de apoio a esse segmento. Joia tem haver com criatividade, conteúdo simbólico, manifestação de afeto, identidade pessoal e, como no conceito de economia criativa, seu principal atributo distintivo é o design. Como poderemos construir uma nova narrativa para a indústria joalheira no Brasil tendo como elemento de reflexão a economia criativa?

14h30: Palestra de Abertura com o Secretario de Estado da Cultura e da Economia Criativa de São Paulo

15h30: Debate

16h: Os novos atributos na construção de valor para a joalheria

17h: Como materiais alternativos trazem novas simbologias para a joalheria

18h: Intervalo café

18h30: TECNOTALKS: Criatividade e Design

  • 18h30: Especialista em Joia-Arte e sua importância para processos criativos no universo do design de joias.
  • 18h50: Especialista em Economia Criativa: como o setor joalheiro, folheados e bijuteria colabora e atua na Economia Criativa do Brasil e do Mundo.
  • 19h10: Especialista em Design de Joias: como formar e montar uma equipe eficiente de design de joias. Com Marcia Croce
  • 19h30: Mesa redonda sobre criatividade e design no contexto da economia criativa

A Indústria joalheira e a 4ª Revolução industrial

Sobre o painel: Vivemos hoje não uma era de mudanças, mas sim uma mudança de era. Uma verdadeira revolução de possibilidades e riscos ilimitados. Tecnologia 3D, inteligência artificial, big data, internet das coisas, blockchain, pedras com qualidade gema sendo produzidas em laboratório, etc. Como tudo isto impacta e condiciona o futuro da joalheria?

14h30: A indústria do futuro nos dias de hoje

15h30: Qual o perfil de uma fábrica de joias alinhada com a fronteira da tecnologia no setor?

17h: A revolução digital e o impacto no modelo de negócio da indústria

18h: TECNOTALKS: Indústria 4.0 e Inovação

  • 18h: Especialista em indústria 4.0 para o setor de joalheria
  • 18h15: Especialista em implantação de processos conscientes de inovação
  • 18h30: Especialista em inovação tecnológica para o setor joalheiro
  • 18h45: Mesa redonda sobre criatividade e design no contexto da economia criativa