Histórico de EdiçõesHistórico de Edições

Veja um pouco do que aconteceu nas últimas edições

Leia um breve resumo tudo sobre as palestras, os expositores e fotos.

O sucesso da 20ª TECNOGOLD

Feira retorna a São Paulo e atrai público sedento por de máquinas e tecnologia

Com a promessa de conectar o setor joalheiro ao debate sobre a 4o Revolução Industrial e às novas tendências
de comportamento e consumo, aconteceu em São Paulo nos dias 2, 3 e 4 de abril, a 20a edição da TECNOGOLD – Feira de Tecnologia, Gemas e Design. Batizada de “Uma conexão para o Futuro”, a mostra foi considerada pelos organizadores um sucesso. Centenas de profissionais do setor joalheiro visitaram o evento em busca de tecnologia, máquinas, novidades e informações.
A edição marcou o retorno da feira ao Centro de Eventos São Luis, próximo a Av. Paulista, cartão de visitas da cidade de São Paulo e palco das primeiras edições da mostra. Desse modo, a TECNOGOLD recuperou o seu formato original e já consagrado. Tal feito só foi possível ser atingido graças a parceria entre o IBGM e o SINDIJOIAS-SP, que também foi restabelecida. Unindo forças, as entidades conseguiram promover um dos maiores eventos de inovação, tecnologia e insumos para o segmento joalheiro.
Segundo Ecio Morais, diretor do IBGM, a TECNOGOLD cumpriu o objetivo de fortalecer o setor e promover a comunicação
entre os principais agentes do segmento como fornecedores
de maquinários, pedrarias, insumos e serviços voltados para a criação, fabricação e comercialização de joias em ouro, joias em prata, folheados, bijuterias e adornos. “Foram três dias intensos de troca de informações e a apresentação de novas tecnologias que estão chegando ao Brasil. O evento se firmou como a principal fonte de atualização das empresas do segmento”, afirma Ecio.
Além de exibir máquinas e equipamentos, nessa
edição o evento trouxe um importante espaço para a apresentação das gemas. Entre os expositores, além de empresas brasileiras, estiveram presentes representantes de países da América do Norte e da Europa. Para completar, a feira apresentou um ciclo de palestras com os principais temas que devem mudar o perfil do setor nos próximos anos. Um panorama completo do que nos aguarda num futuro muito próximo.

A indústria 4.0 para o setor joalheiro

Ana Paula Colombi, economista pela Universidade Federal de Santa Catarina. Mestre e Doutora em Desenvolvimento Econômico pelo Instituto de Economia da Unicamp. Atualmente é pós-doutoranda também pelo IE, Unicamp.

História da Tecnogold

Feira anual, organizada em parceria do SINDIJOIAS – SINDICATO DA INDÚSTRIA DE JOALHERIA, BIJUTERIA E LAPIDAÇÃO DE GEMAS DO ESTADO DE SÃO PAULO, e do IBGM – INSTITUTO BRASILEIRO DE GEMAS E METAIS PRECIOSOS a fim de fortalecer o setor e promover a comunicação entre os principais agentes do segmento como fornecedores de maquinários, pedrarias, insumos e serviços voltados para a criação, fabricação e comercializa

Como era

Feira anual, organizada pelo IBGM – Instituto Brasileiro de Gemas e Metais Preciosos em parceria com o SINDIJOIAS – Sindicato da Indústria de Joalheria, Bijuteria e Lapidação de Gemas do Estado de São Paulo a fim de fortalecer o setor e promover a comunicação entre os principais agentes do segmento como fornecedores de maquinários, pedrarias, insumos e serviços voltados para a criação, fabricação e comercializa